terça-feira, 19 de novembro de 2019

"O APANHADOR DE ASSOBIOSSS" NO ALEGORIA CASA BAR


        A noite de 09 de novembro foi a vez do Alegoria Casa Bar em Pelotas-RS receber os poemas de Manoel de Barros. Durante o evento organizado pelo Guayí Mirim o Núcleo de Teatro da UFPel apresentou O apanhador de assobiosss e a ocasião não poderia ser melhor. Teve até lançamento de livro do poeta pelotense Fábio Amaro, que gentilmente ofertou alguns de seus versos ao fim do esquete. 
        Aquelas e aqueles que estavam presentes também puderam compartilhar seus escritos no microfone aberto. 
       A poesia estava no ar. Foi escutada, vista, sentida e celebrada.
        
         Viva a poesia! Viva o teatro! Viva Manoel de Barros e seus caramujos flores! 



   


Poesia, s.f.
(Manoel de Barros)

"APANHADOR DE ASSOBIOSSS" ESTREIA NA ESCOLA PEDRO OSÓRIO

 

          No dia 06 de novembro de 2019 foi dia de levar poesia, cores e sons para alunos do ensino médio. Na ocasião, o Núcleo de Teatro da UFPel estreou o esquete O apanhador de assobiosss nas dependências da Escola Estadual de Ensino Médio Pedro Osório, na cidade de Pelotas-RS.
            
          A apresentação demarcou o início do circuito de apresentações do Núcleo com o seu novo trabalho que oferece, entre flores e assobios, canções, teatro e poesias do brasileiro Manoel de Barros.












Mas afinal, o que é um caracol?





NÚCLEO INICIA CIRCUITO DE APRESENTAÇÕES DE "O APANHADOR DE ASSOBIOSSS"


O poema é antes de tudo um inutensílio.

        Através das palavras, dos sons e das imagens o Núcleo de Teatro da UFPel dá início ao circuito de apresentações de seu novo trabalho O apanhador de assobiosss. A partir de poemas de Manoel de Barros o grupo conta histórias, cria universos e dá vida a personagens um tanto peculiares. 
      Entre caracóis, assobios e flores, o elenco composto por Cristal Bárbara, Manuela Garcia e Thairone Dorneles convida as(os) espectadores a embarcarem numa viagem de cores e sons que inicia nos livros e passa pelo teatro, rumo à imaginação.
      O apanhador de assobios tem direção do professor Daniel Furtado e da professora Giselle Cecchini do Curso de Teatro-Licenciatura da Universidade Federal de Pelotas.

As coisas que não levam a nada
têm grande importância

Cada coisa ordinária é um elemento de estima

 Cada coisa sem préstimo 
tem seu lugar 
na poesia ou na geral

(Manoel de Barros)


quarta-feira, 14 de agosto de 2019

NÚCLEO DE TEATRO APRESENTA SOLOS HUMANOS

Nos dias 28 e 30 de novembro de 2018 foi realizado no núcleo de Teatro da UFPel apresentou o trabalho Solos Humanos, nos quais foram apresentados dois solos MULHER e HOMEM NEGRO, criados por Evelin Suchard e Denilson Ferreira, com orientação de Daniel Furtado. MULHER é baseado no texto "100 comentários machistas" de Rô de La Torre, e HOMEM NEGRO parte das canções Crime Bárbaro (Rincon Sapiência) e Cota não é esmola (Bia Ferreira). Os solos fazem parte da despedida do Núcleo do espaço da rua Andrade Neves, casa que sediou o Núcleo nos últimos 08 anos.

    


       














 






segunda-feira, 9 de julho de 2018

NÚCLEO DE TEATRO DA UFPEL REALIZA APRESENTAÇÕES DE “O APANHADOR DE ASSOBIOS”



O Núcleo de Teatro da UFPel segue em julho a agenda de apresentações da cena “O apanhador de assovios”, baseada em poemas de Manoel de Barros. A próxima apresentação será no Instituto Conceição, na próxima quinta-feira dia 12.
Em junho o Núcleo apresentou a cena no Asilo de Mendigos, no dia 12, na escola Sylvia Mello, no dia 19, e no Espaço de Convivência Infantil Guayí Mirim, no dia 23.













NÚCLEO DE TEATRO DA UFPEL ESTREIA CENA NA FEIRA DO LIVRO

O Núcleo de Teatro da UFPel estreou no dia 10 de novembro a cena “O apanhador de assovios”. A cena, criada a partir dos poemas de Manoel de Barros, pretende levar ao público um pouco da obra do escritor matogrossense que, com seus versos, traz para o leitor não apenas o universo do Pantanal mas desautomatiza o nosso olhar desatento frente à riqueza da vida que nos cerca, subvertendo a ordem e a importância das coisas, revelando as grandezas do ínfimo e os “inutensílios”.
A cena, que foi apresentada na Feira do Livro, junto ao Chafariz, tem direção do prof. do coordenador no Núcleo, Daniel Furtado, e atuação de Denilson Cosseres e João Vitor.





quinta-feira, 26 de abril de 2018




EDITAL nº 01 /2018

Edital de Seleção de Bolsista (s) para o Núcleo de Teatro da UFPel

Ata de entrevista

No dia 26 de abril de 2018, às 9:30 horas, reuniram-se o professor Daniel Furtado Simões da Silva e os candidatos inscritos, na sede do Núcleo de Teatro da UFPel, rua Andrade Neves 1149, para dar prosseguimento ao processo de seleção de 01 (um) bolsista para o Programa Núcleo de Teatro – Teatro Universitário. No horário previsto para o início da seleção, passou-se a lista e verificou-se a presença dos seguintes alunos:
1.       Denilson Cosseres Ferreira
2.       Felipe Creminini de Leon
3.       Rodrigo Leal Dias
4.       Henrique Gabriel da Silva Ferreira
5.       Mariana Passos Dutra

Procedidas as entrevistas, o coordenador do projeto selecionou os seguintes alunos, nesta ordem de classificação:
1.       Denilson Cosseres Ferreira
2.       Mariana Passos Dutra
3.       Rodrigo Leal Dias
4.       Henrique Gabriel da Silva Ferreira
5.       Felipe Creminini de Leon


Nada mais havendo a tratar, eu, Daniel Furtado Simões da Silva, lavrei a presente ata.


Pelotas, 26 de abril de 2018.



Daniel Furtado Simões da Silva
Coordenador do
Núcleo de Teatro da UFPel
















terça-feira, 24 de abril de 2018

Edital de Seleção de Bolsista para o Núcleo de Teatro da UFPel. Inscrições até 25/04.

EDITAL nº 01 /2018
Edital de Seleção de Bolsista (s) para o projeto NUCLEO DE TEATRO DA UFPel (Teatro Universitário)
Registro no Cobalto nº 688

A Coordenação do Projeto NUCLEO DE TEATRO DA UFPel (Teatro Universitário), torna público que estão abertas inscrições para seleção de 01 (UM) bolsista no âmbito do Programa de Bolsas Acadêmicas/2018, na modalidade Iniciação à Extensão e Cultura, submodalidade Extensão/PREC, em conformidade com o Decreto nº 7.416, de 30/12/2010, da Presidência da República, com a Resolução 05/2014 do Conselho Coordenador de Ensino, da Pesquisa e da Extensão (COCEPE) e com o Plano de Desenvolvimento Institucional 2015-2020.

1. DO OBJETIVO
O projeto NUCLEO DE TEATRO DA UFPel, tem por objetivo produzir espetáculos teatrais e/ou performances que possam ser apresentadas nas unidades acadêmicas bem como em escolas da rede pública de região, assim como promover outras ações (esquetes, oficinas, grupos de estudo) na área do teatro, direcionadas tanto a comunidade acadêmica como a comunidade em geral, de modo que se insere nos objetivos gerais estipulados no Programa de Bolsas de Iniciação à Extensão e Cultura - PBA /Extensão/PREC.

2. DAS CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO
2.1. Podem candidatar-se nesse edital alunos regularmente matriculados nos cursos de graduação da UFPel e que disponham de 20 horas semanais para atuar presencialmente no projeto.
2.2. Os candidatos devem possuir experiência na área de teatro, notadamente a apresentação pública de espetáculos artísticos, atividades de produção e atividades didáticas (atuando como professores ou ministrando oficinas na área de teatro/dança).

3. DO NÚMERO E MODALIDADE DE BOLSA
3.1. O NUCLEO DE TEATRO DA UFPel disponibilizará um total de 01 (uma) bolsa, na modalidade AMPLA CONCORRÊNCIA, com vigência de sete meses e meio (04 de maio até 15 de dezembro de 2018).
3.2. O valor da bolsa é de R$ 400,00 (quatrocentos reais) mensais, exceto no mês de dezembro cujo valor será de R$ 200,00 (duzentos reais) correspondente à meia bolsa.

4. DA INSCRIÇÃO
4.1. O candidato deverá entregar na sede do Núcleo de Teatro da UFPel, rua Andrade Neves 1149, os seguintes documentos:
- FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO, que deverá ser impresso, preenchido e assinado (disponível em
https://wp.ufpel.edu.br/…/bolsas-de-exte…/bolsas/documentos/)
- Cópia do histórico escolar atualizado com média (fornecido pelo CRA ou Cobalto)
- Currículo Vitae, constando as atividades desenvolvidas na área.
4.2. O período para inscrição será de 20 a 25/04/2018. Os documentos devem ser entregues na sede do Núcleo de Teatro da UFPel, rua Andrade Neves 1149, das 8:00 às 20:00 h.
4.3. Os requisitos mínimos exigidos para inscrição de candidatos à bolsa são os seguintes:
a) estar regularmente matriculado em curso de graduação da UFPel;
b) não receber qualquer outra bolsa paga por programas oficiais, exceto os auxílios recebidos pela Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (PRAE).
c) dispor de 20 horas semanais para dedicar às atividades relativas ao projeto onde irá atuar presencialmente.
d) Possuir experiência comprovada na área teatral, incluídas atividades de produção e atividades didáticas.

5. DAS ATIVIDADES A SEREM DESENVOLVIDAS PELO BOLSISTA:
5.1. Apresentação públicas de espetáculos teatrais e/ou performances artísticas.
5.2. Atividades de produção
5.3 Atividades didáticas (realização de oficinas e/ou cursos)

6. DO PROCESSO DE SELEÇÃO:
6.1. O processo de seleção dos candidatos ocorrerá no dia 26/04/17, através de entrevista e análise dos currículos;
6.2 Os candidatos deverão comparecer à sede do Núcleo de Teatro da UFPel, rua Andrade Neves 1149, às 9:30 do dia 26 para entrevista.

7.DA AVALIAÇÃO E DOS CRITÉRIOS DE DESEMPATE
7.1. Os candidatos serão avaliados através análise do desempenho na entrevista, análise do currículo e do histórico escolar
7.2. Será utilizado, como critério de desempate, primeiramente a experiência do candidato na área em questão, e, em seguida, o histórico escolar.

8. DA DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS:
A divulgação do resultado ocorrerá em 26/04/2018 através de divulgação no blog do Núcleo de Teatro da UFPel, http://nucleoteatroufpel.blogspot.com.br/.

9.DA EFETIVAÇÃO DOS BOLSISTAS
Em caso de classificação para a bolsa, após o resultado da seleção, serão exigidos os seguintes documentos a serem entregues na PREC até dia 04/05/2018 impreterivelmente, sob pena de perda da vaga:
a) Ata com o resultado do processo seletivo (modelo disponível no site da PREC);
b) Plano de trabalho assinado pelo Coordenador e pelo Bolsista (utilizar o modelo de formulário, atualizado, disponível no site da PREC);
c) Histórico Escolar atualizado (com média – CRA ou pelo cobalto);
d) Fotocópia da Carteira de Identidade e do CPF (frente e verso);
e) Dados bancários: conta corrente e individual (vedada a utilização de conta poupança ou de conta conjunta de qualquer natureza).
f) No caso de bolsa VULNERABILIDADE SOCIAL deverá comprovar tal situação mediante atestado da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (PRAE).

10. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS:
Os casos omissos ao presente Edital serão resolvidos por Comissão específica designada pelo coordenador da proposta.

Pelotas, 20 de abril de 2018.

Daniel Furtado Simões da Silva
Coordenador do Núcleo de Teatro da UFPel

terça-feira, 25 de julho de 2017

Intervenção urbana "Onqotô"

O Núcleo de Teatro da Universidade Federal de Pelotas realizou no dia 05/05 a intervenção urbana intitulada "Onqotô", que fez parte da programação da Calourada UFPel 2017/1.

A UFPel, através de suas Pró-Reitorias, preparou para este evento diversas atividades artísticas e culturais para acolher os estudantes ingressantes com o objetivo de desejar as boas vindas e apresentar a universidade aos novos alunos.

Uma delas foi esta intervenção, criada pelo Núcleo de Teatro, onde os performers estimulavam os alunos recém chegados à universidade com perguntas relacionadas a esta nova fase da vida que é chegar e pertencer à um novo espaço - "Onqotô", "Donqeuvim" e "Pronqovô".

A atividade teve como coordenador o professor Daniel Furtado, e contou com os alunos do curso de licenciatura em Teatro Aline Cotrim, Eduarda Bento, Evelin Suchard, Marcos Kusner e com o ex-aluno do curso Diego Fogassi. 


Apresentação de "A Louca Febril"


A Universidade Federal de Pelotas (UFPel) promoveu, do dia 2 a 6 de maio, a Calourada 2017/1, com o mote "Todxs UFPel Respeitadxs". O evento contou com uma série de atividades artísticas, culturais e acolhedoras, em especial para seus novos alunos.

O Núcleo de Teatro da UFPel esteve presente e apresentou no dia 02 a cena "A Louca Febril", texto do romeno Matei Visniec retirado do livro "Teatro Decomposto Ou O Homem-lixo".


O monólogo representado pela atriz Evelin Suchard, com direção de Daniel Furtado, foi apresentado no campus Anglo, durante a abertura da exposição Patrimônio Cultural Gráfico de Pelotas, que marcou a inauguração dos Espaços Expositivos Universitários - Galeria do Anglo.